≡ Menu

Guia: Como Se Sentir Bem Sozinho

sendo-criativo

Muitas pessoas dizem que é necessário se aceitar, se sentir bem consigo próprio e não precisar de aprovação externa. E até certo ponto isso é bem verdade, quanto melhor você se sentir consigo, sozinho ou não, melhor também é sua qualidade de vida.

Seu equilíbrio psicológico melhora e até mesmo suas habilidades sociais vão ter um up pelo jogo interno bem equilibrado. Ansiedade e depressão se tornam mais distantes. Entre tantas outras variáveis úteis.

Todavia, se feito de forma errada se torna uma faca de dois gumes, que pode te ferir tanto quanto ajudar.

Neste artigo pretendo deixar claro como se sentir bem sozinho e a importância dessa característica na vida de um homem.

Como se sentir bem sozinho de forma saudável

Não ache que é obrigado a ficar sozinho – Saia e flerte, mas não queria namoro ou busque amizades. Apenas prove pra si que pode ter outras pessoas.

Você nunca deve abraçar a solidão por fuga ou por acreditar que não pode ficar com alguém. Prove primeiro que pode ficar com outras pessoas. Tenha contatos. Tenha amigos. Pra só então gostar de ficar só.

Se não entende a lógica disso, pense na analogia: “Se estivesse em uma de prisão, você ficaria mais tranquilo com uma porta aberta ou uma porta trancada que você não tem a chave?”.

Se dedique a algo – Procure coisas que lhe dão um prazer profundo, que você pode dizer que ama. Que é seu mundo. Tanto faz se é música, games, etc.

Mas não devem ser apenas passa tempos, mas alguma coisa que seja sua paixão e que você se dedique, que só aquilo bastaria pra você viver. Se não sabe o que é, talvez devesse buscar isso em terapia ou refletir sobre o que gosta.

Conheça sua identidade – Saiba o que você ama, quais seus valores, pelo que você luta, qual o estilo reflete sua personalidade e gostos mais profundos, etc.

A terapia humanista existencial é perfeita pra isso. Afinal, não tem como gostar e si, sem saber quem é você.

Invista em você – Seja produtivo, adquira habilidades, conhecimentos, invista na sua aparência, estilo, corpo, etc. E faça isso por você, por coisas que você quer.

Se ame – Passe a reconhecer cada uma de suas qualidades, faça de tudo pra gostar da própria aparência, se tem habilidades sociais travadas, as melhores, até achar os pontos do seu jeito que você gosta pra si e pense “Cara, eu sou legal”.

Você deve ter uma opinião boa ao próprio respeito. Se você acha que você é um lixo por não saber flertar, adivinha? Não é se isolando que você vai gostar de você.

Aprenda flertar, corrija o que acha que estar errado ao seu respeito, só então você tenta gostar de si.

Se o caso de algo imutável, por exemplo se você não se aceita por ser gordo, se cerque de pessoas que gostam de gordinhos ou não se importe com isso.

Querendo ou não, essa coisa de “não se importar” é um mito e você cai em desamparo aprendido, mas se cercar de pessoas que não se importam, seu corpo aprende que isso não é um bicho de sete cabeças e valida a auto regra “Ser gordinho está ok”. Logo, você acredita que ser gordo é ok, então não vai buscar aprovações.

Entenda, pra você ter uma crença boa ao seu respeito, a crença deve ser validada no mundo físico.

Corrija as distorções – Nós citamos em outros posts sobre como nossa razão pode distorcer a lógicas dos eventos. Se você teme ficar sozinho, tenha certeza que está tendo distorções cognitivas.

A terapia cognitiva comportamental (TCC) é a mais indicada pra isso. Corrigir distorções é algo complexo e demanda um profissional e atendimento clínico.

Opiniões ruins ao próprio respeito, medo ou ansiedade exagerada, ponderar sobre situações exageradamente são exemplos de distorções.

Pense sempre nas suas potencialidades atuais – Nesse exato momento, o que você quer? O que lhe dá prazer? Faça. Você quer algo distante? O que pode fazer agora por esse objetivo?

Por fim, entenda que isso é um processo e feito em etapas. Nem todos conseguem isso sozinhos. Se você tem distorções complexas por exemplo, é necessário um trabalho profissional mais profundo.

A importância de se sentir bem sozinho

Qualidade de vida: Se você sente bem com você, você sofre menos de ansiedade, menos estresse, pode se dedicar as coisas que você realmente lhe tem prazer, há mais autoconfiança e autoestima, etc.

Não reatividade: Se você não depende de outra pessoa, então elas não afetam tanto. Você se torna mais habilidoso em por limites, tem menos chance de ser manipulado, iludido, mais resistente a testes, pode manter a calma, etc.

Aprimoramento pessoal: Com tempo pra si, você acaba por poder investir em coisas que tenham retorno real a você, que lhe dão memórias, retorno financeiro, incremento de novas habilidades, etc.

Facilidade no social: Isso é irônico, mas quanto mais você se sente bem consigo e menos depende dos outros, mais facilmente você conquista as pessoas.

Isso porque você se torna não reativo, não dependente, não demonstra carência, pode ser mais confiante pois não tem medo de perder a pessoa caso erre, e caso consiga uma relação, ela vai te ver como um homem de valor, o que diminui os riscos de jogos mentais e proporciona uma qualidade de vida melhor na relação.

Em, outras palavras, um homem autossuficiente demonstra valor até sem querer.

Perceba as consequências disso, só fato de ser autossuficiente lhe permita investir em você ao ponto de que sua vida financeira melhore significativamente.

O mesmo nas relações. O mesmo no equilíbrio da sua esfera mental. Perceba que isso inclui, ganhos como conhecimentos, recursos, saúde, memórias, hobbies, tempo, uma infinidade de questões.

O homem que busca aprovação externa

Em contrapartida um homem que busca constantemente aprovação afunda sua vida em vários pontos.

Flertes e namoros catastróficos: Se você teme ficar sozinho, provavelmente nos seus flertes vai mostrar dependência e afundar tudo, no namoro ser manipulada pela garota e perder o poder na relação, o que resulta em vários relacionamentos tóxicos.

Angustia constante: Você se sente mal consigo, tem medo de ficar só, tem ansiedade, auto depreciação, etc.

Mesmo em momentos que você poderia apenas aproveitar uma noite com amigos ou ficar em casa lendo um livro, o que poderia sim ser uma noite prazerosa, pode ser repleta de ansiedade e desejo de aprovação.

Vida falsa: Você deseja tanto aprovação, que pode sacrificar parte de coisas que você ama, deixar ser autentico, jogar fora sua identidade apenas pra receber aprovação.

E é claro, mesmo que consiga, essas pessoas aprovaram alguém que não é você. Uma hora a máscara cai.

Perda de tempo e recursos: Você investe tanto em agradar e ser aceito que esquece de investir em você. Acaba se tornando uma pessoa sem conteúdo.

As vezes até sua vida financeira e seus prazeres de viver podem ter sido ceifados porque deixou de investir em si, pra investir no que faria você em teoria ganhar aprovação.

Dependência: Essa pessoa vai ficar carente e querer correr atrás. Logo, mesmo o teste mais simples, até de uma garota que teve interesse, o faz desmoronar.

Você desiste fácil porque as críticas têm peso. Não consegue se manter calmo. E não vai ter voz pra impor limites ou cortar relações tóxicas, o que faz você sofrer bullying ou ser usado de capacho.

perigos em buscar ficar sozinho ou simplesmente “se aceitar”

Você não deve simplesmente se aceitar em meio a uma situação ruim. E isso o senso comum e a galera do politicamente correto não explicam.

Veja bem, entenda que o ambiente te influencia, e seu corpo aprende, a aprendizagem ocorre no inconsciente, e o inconsciente influencia a razão.

Existe uma regra que todo comportamento (incluindo pensamentos), ao qual for sucedido por um estímulo desagradável, é reprogramado pelo organismo, eliminando o comportamento do corpo.

Agora se imagine no seguinte cenário: Você se sente solitário, não tem ninguém pra fazer sexo, não tem hobbies altamente gratificantes que você ama, não tem amigos, não aprova sua aparência, nada. Então você decide se aceitar e gostar de ficar sozinho na marra.

Mantém os mesmos hobbies chulos que você tinha antes (sei lá, ver séries que não lhe causam muito prazer) e tenta se desapegar das pessoas por afastamento pra se obrigar gostar de você.

O que ocorre? O organismo vê que no seu entendimento (no seu inconsciente onde não existe hipocrisia), de acordo com seus valores, ficar em casa vendo essa série não é mais prazeroso do que estar com alguém.

Sua mente então verifica o comportamento que está tendo no momento (a crença de se aceitar), e aniquila ela do seu corpo. Se você insistir, ela gera uma auto regra (“Não é bom ficar sozinho”).

Você acabou de se instalar um transtorno de ordem neurótica de medo de ficar sozinho. Pois agora, pro seu corpo, ficar sozinho é algo perigoso.

TOC, Transtornos alimentares, depressão ansiosa, são exemplos de transtornos mentais que se adquirem nessa brincadeira. Esse fenômeno comportamental se chama “Desamparo aprendido”, antes de se aceitar deve ter as condições para tanto.

Além disso, nunca se deve querer ficar sozinho por achar que você não pode ter outra pessoa ou porque tem dificuldade pra flertar. Se fizer isso vai enferrujar suas habilidades sociais e tampando o sol com a peneira.

É uma fuga da realidade, e quando se confrontar com ela de novo, vai se arrepender. Não só pelo fato de que você tem suas necessidade sexuais mas porque você já está se “autodepreciando” ao querer se aceitar você está mentindo pra si mesmo. Está frustrado.

A longo prazo, depressão, crises existências, solidão amarga, é o que pode te aguardar.

Renato Marques

Entendi, mas o que eu faço agora?

Aprendi da maneira mais difícil que mesmo após ter entendido tudo o que está aqui, ainda sim é importante trabalhar o processo de sedução desde o inicio para ter sucesso com as mulheres.

Existem cursos presenciais de ótima qualidade mas que infelizmente possuem preços nem um pouco acessíveis, e portanto muitos homens que precisam desse conhecimento não vão poder ter acesso.

Como sei que é fundamental para ter sucesso com as mulheres aprender tudo sobre atração e sedução, digo por experiência própria que o curso do Bruno consegue te ensinar tudo o que você precisa saber para fazer qualquer mulher sentir fortes desejos por você.

Você vai perceber que os resultados do curso completo são bem mais satisfatórios do que aplicar uma única técnica por vez.

exclusivo