≡ Menu

Saiba O Que Fazer Quando O Relacionamento Não Vai Bem

homem-mulher-brigando

Manter um relacionamento saudável pode ser algo complicado para muitos homens, especialmente quando eles precisam saber o que fazer ao passar por tempos conturbados.

A boa noticia é que existem algumas medidas que podem ajudar a melhorar o seu relacionamento e que podem começar a ser implementadas a partir do seu ponto de vista em como as coisas estão ocorrendo.

Este artigo será escrito justamente com o objetivo de te ajudar a identificar quando um relacionamento pode ser reparado e quando ele já foi completamente desgastado e assim você saberá o que fazer quando o relacionamento não vai bem.

Pare e detecte os erros

Antes de qualquer coisa, é necessário não agir de maneira impulsiva, os atritos no relacionamento devem ser contidos e agir antes de pensar pode causar danos irreparáveis a ambos.

Analise bem a situação em que vocês se encontram neste momento de dificuldade, principalmente se esse for um relacionamento de longa duração, coloque em uma balança tudo o que valeu a pena e o que aconteceu de ruim.

Caso os problemas não tenham sido graves tudo o que resta é remediar da maneira correta, caso você tenha chegado a conclusão de que tudo o aconteceu até o momento é grave de mais então é mais vantajoso sair do relacionamento e recomeçar do zero. Situações que podem ser consideradas graves são:

Quebra de confiança – Confiança serve como base para criar qualquer relacionamento, se ela for forte o relacionamento será duradouro caso contrário brigas diversas vão se iniciar eventualmente culminando no término. Uma vez que a confiança seja quebrada é muito difícil para uma mulher voltar a confiar em você.

Se a sua namorada começa a questionar as suas ações com frequência significa que ela duvida de você e por consequência isso leva ao ciúme. Se essa confiança foi quebrada múltiplas vezes significa que chegou a hora de seguir em frente e terminar o relacionamento.

Falta de apoio – É importante, em qualquer relacionamento, saber que você apoia ela e vice versa. Quando falta apoio emocional é possível sentir que falta investimento e interesse do parceiro na sua vida.

Se você sente de alguma maneira que falta apoio nas decisões tomadas durante o relacionamento então isso significa que a comunicação entre os dois foi fortemente prejudicada.

Infelicidade constante – Não existe um relacionamento no qual o casal está 100% satisfeito o tempo inteiro, eventualmente eles entram em atrito e dificuldades vão aparecer e conforme essas dificuldades são superadas o vinculo entre os dois é fortalecido.

Dito isso também é anormal estar constantemente irritado ou insatisfeito enquanto se esta em um relacionamento sério, se você ou ela não estão satisfeitos um com o outros é hora de parar e pensar o porque. Talvez o foco tenha se perdido conforme o tempo foi passando ou não haja mais respeito entre ambos.

Independente do motivo pelo qual vocês não estejam mais felizes juntos, é indispensável conhecer o problema para diagnostica-lo com precisão, caso isso não aconteça, essa infelicidade eventualmente irá escalonar e se transformar em ódio o que eventualmente torna a separação um caso ainda mais difícil e frustrante.

Vocês querem coisas muito diferentes na vida – Não adianta nada se juntar com uma mulher apenas pela aparência dela, cada pessoa possui um objetivo diferente na vida.

É possível dialogar sobre essas decisões, entretanto não é possível obrigar alguém a mudar de posicionamento. Caso você tenha identificado que ela quer tomar um caminho completamente diferente do seu é muito mais fácil deixar que ela vá embora, pois enquanto vocês estiverem querendo coisas diferentes no relacionamento, ambos ficarão completamente desconexos um do outro e mais fácil é de ambos permanecerem estressados e infelizes.

Procure Salvar o relacionamento

Se vocês ainda estão juntos e passando por momentos conturbados a melhor coisa a fazer é trabalhar para salvar o relacionamento, e para isso é necessário quebrar a espiral de constantes aflições que prejudicam a saúde mental de ambos.

Ou seja, é necessário transformar todos os conflitos que geram reações negativas para um estado em que eles se tornem coisas positivas.

Ao iniciar um conflito, pelo motivo que for, sempre haverá duas partes opostas ambas tentando provar o seu ponto de vista, geralmente isso se inicia com argumentos normais e vai escalonando através de acusações e ataques.

No fim, alguém pode ganhar o argumento, mas apenas a frustração irá se acumular durante o tempo, principalmente nas mulheres que costumam ser bem mais emocionais que os homens, no fim isso acaba gerando um grande ciclo de frustrações que ocasiona o termino do relacionamento.

A melhor coisa a se fazer para evitar esse tipo de situação é, sempre que houver alguma discussão, reagir de maneira bem humorada e relaxada para que então ela reaja da mesma maneira.

O intuito é fazer com que o vinculo entre vocês dois seja criado em cima de sensações prazerosas que serão lembradas com muito mais fervor do que os momentos difíceis que vocês passaram juntos.

Utilizar esse tipo de reação positiva funciona para muitas coisas durante o relacionamento, por exemplo, você da a ela motivos para confiar em você, ela se sente atraída e começa a te respeitar, você nota isso e se sente atraído por ela cada vez mais, em resposta você também se sente seguro o suficiente para confiar nela e por consequência vocês tem um relacionamento forte e saudável.

Entretanto caso o contrário for feito, se você der algum motivo para ela ficar com ciúmes e se sentir insegura, então ela vai começar a perder o respeito por você, eventualmente ela perde a atração, em resposta você também ficará com ciúmes dela, as discussões se escalonam e por fim o relacionamento foi destruído.

Uma vez que você tenha tomado o controle das discussões é hora de relembrar tudo o que fez ela se apaixonar por você e voltar a aplicar isso na sua vida. Basicamente, a partir do momento em que você para de agir como um homem ela começará a se sentir insatisfeita.

Então, você deve voltar a se comportar como um homem no relacionamento, não como um amigo, não tratando ela como uma mãe ou como um colega de quarto (embora existam momentos em que essas características são mostradas), acima de tudo, seja um homem que proporciona a dinâmica do relacionamento, ou seja, qualquer coisa que demonstre que você é emocionalmente inseguro vai dar brecha para que você seja correspondido da mesma maneira.

A verdade é que ela vai se apegar com a dinâmica de relacionamento que você criar, se você for um homem inseguro, carente ou mostrar qualquer outro tipo de atitude que demonstre imaturidade, ela também ficará da mesma maneira, deixando de mostrar respeito, agindo com birra quando não consegue ter as coisas do jeito dela.

Ela se sentirá muito mais feliz ao lado de um homem confiante que transmita segurança e a faça se sentir feminina, mas isso só acontece quando você permanece um homem masculino e responsável por cuidar dela.

De maneira bem simples, basta esfriar a cabeça, analisar a situação e tirar a conclusão para saber se os erros foram cometidos pela sua parte ou pela parte dela, as ferramentas para seguir em frente ou decidir arrumar o relacionamento estão nas suas mãos, decidir o que é melhor para ambos é uma escolha inteiramente sua.

Renato Marques

Entendi, mas o que eu faço agora?

Aprendi da maneira mais difícil que mesmo após ter entendido tudo o que está aqui, ainda sim é importante trabalhar o processo de sedução desde o inicio para ter sucesso com as mulheres.

Existem cursos presenciais de ótima qualidade mas que infelizmente possuem preços nem um pouco acessíveis, e portanto muitos homens que precisam desse conhecimento não vão poder ter acesso.

Como sei que é fundamental para ter sucesso com as mulheres aprender tudo sobre atração e sedução, digo por experiência própria que o curso do Bruno consegue te ensinar tudo o que você precisa saber para fazer qualquer mulher sentir fortes desejos por você.

Você vai perceber que os resultados do curso completo são bem mais satisfatórios do que aplicar uma única técnica por vez.

exclusivo