≡ Menu

O que fazer quando um amigo te trai

o-que-fazer-quando-um-amigo-te-trai

A traição costuma ser muito forte e desagradável que prejudica a maioria dos homens, e isso é ainda pior quando vem de um amigo, uma pessoa a qual já temos consideração por uma série de fatores.

Existem maneiras adequadas de lidar com esse tipo de situação dependendo do tipo de traição que você sofreu.

Neste artigo vou explicar exatamente o que fazer quando um amigo te trai em diferentes situações.

O limite se rompe

Você deve ter uma noção de até onde uma pessoa deve ir até você se impor. Pois bem, isso vale pra amigos também.

Como citado neste artigo sobre como se impor mais no relacionamento você nunca deve permitir que uma pessoa passe o limite do que você julga, de acordo com seus valores, o nível aceitável do que pode ou não ser feito.

Então, é um fato que você deve se impor e dizer claramente o que pensa sobre isso. É uma questão de autoconhecimento.

Isso te feriu e agora você está puto com ele? Então fale, corte os laços, se afaste, etc. Não é menos ou mais grave do que seria algo vindo de sua namorada.

Se for um erro pequeno, como deixar escapar um segredo, mas não julga que esse erro foi demasiadamente grave, se imponha dizendo o que pensa sendo assertivo, e diga que se fizer isso de novo a amizade acaba, e é pra ele lembrar disso.

Se não tem uma punição desse tipo com palavras duras. A pessoa sente que ficou impune. E pra essa pessoa parece que vai estar ok te desrespeitar de novamente.

Mesmo após a traição, fique de olhos abertos e tenha mais cuidado como age com esse. Se notar que ele tem atitudes semelhantes, se afaste de vez.

Ele se provou não ser confiável

Veja bem, desde uma traição pequena a uma grande, ele mostrou um traço de caráter suspeito. Amigos traidores que querem te ver por baixo, existem aos montes. Muitos na verdade são até seus inimigos e se aproximam pra te pegar de guarda baixa ou tomar algo de você.

Via de regra se um amigo te traí você deveria cortar laços. Não só pelo dano da traição em si, mas pelo estrago que ele poderia fazer no futuro.

Talvez ele tenha te traído outras vezes e você não sabe. Talvez ele pretendia algo mais grave. Deixar uma pessoa tão suspeita no seu círculo de amizades é um perigo em potencial.

No caso de ser um amigo de longa data, talvez convenha um perdoar seguido de imposição assertiva. Mas após isso tomar muito cuidado e ter menos contato.

Mas o perigo aqui é você deixar escapar algo pra esse amigo. Por isso, um corte de laços seria uma opção mais inteligente.

Circulo menor

Você não investe emocionalmente só nas mulheres. Enquanto mantêm amizade com uma pessoa, o esforço para com essa pessoa poderia ser usada para outra.

Então porque alimentar uma amizade suspeita? Um homem de valor deve ser desapegado mesmo com amizades.

Se um amigo se provou tóxico ou indigno de confiança, simplesmente procure outros, e veja isso como uma coisa boa. Pois sempre poderia ser pior.

Afetar sua imagem geral

Acho que eu não preciso dizer isso. Mas vamos lembra que se traição foi algo grave e você perdoou e outras pessoas ficaram sabendo.

Saiba que você pode acumular uma imagem de “trouxa” ou “fraco” para com mais pessoas que podem pensar em te trair ou fazer o mesmo. Até uma futura namorada que fique sabendo dessa história pode ter mais tendências a te trair por isso.

Então deixar escapar um comentário sobre você que não devia ter feito, até que pode-se perdoar com um alerta/imposição/punição (isto é, aviso de um possível término da amizade, dizer o que pensa com palavras duras).

Já o cara ter ficado com sua namorada, uma garota que você queria, lhe causou prejuízo com dinheiro, etc. Isso é imperdoável.

Amigos põem cartas na mesa e dão as caras. Se ele não foi sincero não tem porque ter ele por perto.

Vai diminuir sua honra

Comece a perdoar fácil assim ou se apegar a pessoas e em logo você se acostuma a deixarem as pessoas pisarem em você.

Se você não tem coragem de cortar um laço com um amigo que te traiu, você provavelmente também não vai ter coragem de terminar um casamento.

E você já sabe o que ocorre quando o cara mostra medo de perder a mulher ou teme se impor. É feito de gato e sapato, e possivelmente corno.

O fator arrependimento

Para não ser totalmente carrasco, lembramos esse detalhe. Seres humanos erram. Antes de terminar uma amizade de anos, tente ouvir primeiro. Sim, sempre deve-se ouvir a explicação e entender o lado dele.

Depois verificar se ele está genuinamente arrependido. E também, verificar se ele agiu de má-fé (isto é, propositalmente querendo te causar dano).

Se ele agiu de má-fé, ignore o arrependimento e corte laços, pois, com certeza, é falso. Afinal atitude dele foi planejada.

Mas sempre deve ter uma imposição (exposição de pensamentos), o aviso, afastamento e cautela com ele mesmo quando houver perdão.

Lembre-se sempre que você não precisa ser legal ou santo. Se não quer perdoar mesmo ele estando arrependido é direito seu, então não tenha peso na consciência por acabar com uma amizade. Você é mais importante do que outras pessoas, ok?

Decidindo a cerca dessas variáveis

Agora que você entendeu as implicações, vem a questão do seu julgamento pessoal. E aqui não podemos falar muito, pois é você quem deve decidir, de acordo com seus valores e crenças se deve ou não perdoar.

E entenda que você não precisa ser justo. É bem simples, acha perdoável, perdoa. Acha que não é perdoável, não perdoa. Justiça, arrependimento, essas coisas devem ser irrelevantes.

É o que você pensa disso que importa. Mas considere as variáveis a cima para ser racional e não puramente emocional quanto a isso.

Eu diria que pode-se abrir uma pequena brecha pro perdão, quando: foi um deslize, não um ato planejado (como revelar um segredo), o amigo teve um motivo forte pra isso ou uma explicação plausível, a amizade tem longa data e dano causado foi pequeno, ou dano causado não te fere emocionalmente ou sua honra de alguma forma.

Por exemplo, um deslize com dinheiro estando ele necessitado seria mais perdoável que fazer algo com sua namorada.

Imperdoável seria quando ele planejou ou sabia que iria te prejudicar em um ponto importante pra você e não se importou. Se sua moral com outras pessoas vai cair.

Vocês são amigos a pouco tempo (nem tem porque manter alguém suspeito assim). Você já tinha pego dicas de ele ser uma pessoa falsa antes.

Essa pessoa através de você ganha acesso a seus outros amigos (o que pode ser um perigo, pois ele pode por outras pessoas contra você).

No caso de perdão, assertividade, dizer cara a cara o que pensou da atitude dessa pessoa, explanar o que sente, e dizer que perdoa só dessa vez ou “acabou a parceria”. Ou ainda que vai ter que conquistar de novo sua confiança. Depois tomar cuidado com a presença desse.

No caso de não perdoar, cortar laços, o mesmo processo de assertividade, e passar a ignorar a pessoa. Fingir que ele não existe. Cortar toda forma de contato ou evitá-la.

Renato Marques
Últimos posts por Renato Marques (exibir todos)

Entendi, mas o que eu faço agora?

Aprendi da maneira mais difícil que mesmo após ter entendido tudo o que está aqui, ainda sim é importante trabalhar o processo de sedução desde o inicio para ter sucesso com as mulheres.

Existem cursos presenciais de ótima qualidade mas que infelizmente possuem preços nem um pouco acessíveis, e portanto muitos homens que precisam desse conhecimento não vão poder ter acesso.

Como sei que é fundamental para ter sucesso com as mulheres aprender tudo sobre atração e sedução, digo por experiência própria que o curso do Bruno consegue te ensinar tudo o que você precisa saber para fazer qualquer mulher sentir fortes desejos por você.

Você vai perceber que os resultados do curso completo são bem mais satisfatórios do que aplicar uma única técnica por vez.

exclusivo